Onde é que os cozinheiros Lisboetas vão às compras?

Na Lisbon Cooking Academy pode participar em workshops de várias temáticas: cozinha asiática, cozinha saudável, cozinha tradicional portuguesa entre outros. Existem ainda cursos de técnicas bases de cozinha, e para os mais corajosos, Pastelaria!
Independentemente da temática, há perguntas que se repetem em todos os workshops:

Onde é que posso comprar os vegetais e a fruta mais frescos? A carne ou o peixe de melhor qualidade? Os ingredientes e temperos mais exóticos? E os utensílios?

Assim, na Lisbon Cooking Academy, decidimos fazer um roteiro dos locais onde os nossos cozinheiros costumam ir às compras. Este guia leva-o aos ingredientes mais frescos, como também aos utensílios e acessórios que precisa de ter na sua cozinha.

Ingredientes Frescos

Lisboa é uma cidade que combina na perfeição o moderno com o tradicional.
Como todos os cozinheiros, a equipa da Lisbon Cooking Academy adora ingredientes frescos. Por esta razão privilegiamos os Mercados Municipais de Lisboa.

Os Mercados que recebem a nossa visita com maior regularidade são:

Mercado de Alvalade, com peixe e marisco excelente e sempre fresco!

O Mercado de Benfica, com um maior número de bancas e preços mais acessíveis por não estar no centro da cidade. Pode encontrar de tudo e a movida do mercado é incrível!

mercado-benfica
Interior Mercado de Benfica

Mercado 31 de Janeiro, situado entre Arroios e o Saldanha, fica muito próximo da academia, e para além das várias bancas com produtos frescos, tem a fantástica banca da Açucena Veloso¹. Esta banca que faz questão de ter a melhor seleção de peixe da cidade. Não há chefe com estrela Michelin que não a conheça!

Outra grande oportunidade para comprar fresco de qualidade são mercados biológicos!
Estes mercados acontecem aos sábados de manhã, em vários pontos da cidade.
Sugerimos que visite o do Príncipe Real e o do Campo Pequeno. Nestes dois mercados, para além da qualidade e riqueza tradicional dos produtos, consegue encontrar ingredientes que não se encontram com facilidade noutras superfícies comerciais. Por exemplo a couve kale, rábano picante, acelgas, etc.

Se não quiser esperar por sábado e pretender comprar produtos biológicos, uma ótima opção é o Supermercado Miosótis. Já com 20 anos e um ambiente muito familiar, prima pela variedade e qualidade!

Hoje em dia existe também uma forma muito confortável de ter sempre produtos frescos em casa. Várias quintas facilitam a entrega de um cabaz semanal em sua casa! Os preços são convidativos e os produtos vêm super frescos diretamente do produtor! Os cabazes trazem sempre produtos da época e a composição dos mesmos é sempre diferente o que nos obriga a ser criativos e a termos uma alimentação variada. Já existem vários produtores com estes cabazes mas destacamos o Hortelão do Oeste por ter uma variedade de produtos muito diferente da que estamos habituados!

Ingredientes Internacionais

Se lhe apetecer sabores do mundo, os produtos internacionais a preços mais justos estão no Martim Moniz.  Aqui, destacamos 3 lojas:

A Popat Store, uma pequena mercearia indiana com imensos produtos, e onde as especiarias são rainhas!

O Supermercado Chen, um supermercado chinês que dispõe de inúmeros produtos asiáticos como noodles, algas, cogumelos desidratados, frescos exóticos, etc.

Não podemos esquecer o novo Supermercado Amanhecer. Abriu recentemente, localiza-se na Praça do Martim Moniz. Diferente dos outros supermercados da cadeia, este possui uma seleção variada de produtos asiáticos, embora seja ligeiramente mais caro, é muito procurado devido à sua localização.

tomates-hortelao-oestes
Tomates do Hortelão do Oeste

Se não tiver disponibilidade para ir até ao centro de Lisboa e aventurar-se pelo Martim Moniz, pode sempre visitar a secção internacional dos supermercados Jumbo que contam já com uma oferta bastante variada.

A Makro é sempre uma ótima solução para os cozinheiros. Este espaço reúne uma grande oferta, pois consegue agrupar produtos que não existem noutros espaços comerciais como não só relativamente a ingredientes mas também acessórios relacionados com hotelaria (batas, acessórios de cozinha, fardas, etc.). A única desvantagem é que tem que ter o cartão de cliente para aceder à loja. Se não tem este cartão, pode sempre pedir emprestado ao amigo, primo ou vizinho. 🙂

 

Para o equipamento e material de cozinha, sugerimos 2 locais:

César Castro, com uma organização impecável e o melhor atendimento de Lisboa. Arriscamo-nos a dizer que para quem tem a cozinha como hobby, esta é a loja ideal!

A Loja Braz e Braz, aberta desde 1777, é uma loja destinada a quem trabalha em hotelaria. No entanto, também merece uma visita de particulares, devido à sua vasta seleção de produtos a preços bastante acessíveis.

Existem outras lojas que vale a pena conhecer, como a Pollux, que sugere um café no maravilhoso terraço, a Jotelar e a Loja dos Cozinheiros (também disponível online).

Esta é a rota que a Lisbon Cooking Academy sugere, mas estando em Lisboa, não podemos deixar de sugerir que se “percam” pelo comércio tradicional. Neste tipo de comércio os produtos são de excelente qualidade! Exemplo disso são lojas como:

Manteigaria Silva, junto à Praça da Figueira, que prima pela qualidade apresentada desde o primeiro dia da sua abertura.

Charcutaria Dava, localizada no Saldanha conta com uma selecção de pão e queijos incríveis! Lá podem comprar o único queijo chèvre português de Adolfo Henriques.

 

¹ Este é o primeiro artigo do nosso blog, naturalmente demorou algum tempo a ser produzido e publicado. Neste período entre a redação e a publicação do artigo, um evento trágico aconteceu. A peixeira Açucena Veloso de quem com tanto carinho falámos neste artigo, morreu tragicamente num acidente de viação. Fizemos questão de manter o parágrafo em que dela falamos, não só para homenagear uma personalidade marcou

Leave a reply